Muitas pessoas se perguntam qual é o remédio para alcoolismo, principalmente porque sofrem por causa do abuso do álcool, seja por conta própria ou por verem algum familiar ou amigo passando por essa dificuldade. A verdade é que só quem vive uma situação parecida sabe como é complicado lidar com a quantidade de coisas acontecendo ao mesmo tempo.

A partir do momento que alguém se reconhece e se declara como alcoólatra, o primeiro passo é buscar ajuda, ou seja, procurar o remédio para o alcoolismo. E qual seria esse remédio, essa resposta? Bem, existem várias maneiras de abordar o vício e auxiliar o indivíduo a sair disso, e neste artigo nós iremos falar um pouco sobre essas soluções.

Homem ingerindo bebida alcoólica

Fonte: Mathias Konrath / Unsplash.com

O que vem antes do remédio para alcoolismo?

Antes de pensar sobre o remédio para alcoolismo, é preciso verdadeiramente entender o processo que um alcoólatra passa todos os dias. É um ciclo vicioso, em que o indivíduo se sente preso aos mesmos hábitos e manias sempre.

Pare para imaginar como é o dia a dia de alguém viciado em álcool: ter a vida resumida em quando acontecerá a próxima dose da substância. É importante salientar que muitos alcoólatras possuem uma vida normal, ou seja, trabalham, estudam e fazem parte de uma família, seja como pai, mãe ou filho.

Existe a ideia de que quem é dependente do álcool não tem uma vida comum, não consegue realizar trabalhos e nem estudar. No entanto, isso não passa de um grande pressuposto, afinal, o que determina se alguém é alcoólatra ou não é a quantidade e a qualidade do consumo de bebida.

Como assim, quantidade e qualidade?!

Veja bem: a quantidade do consumo de bebida alcoólica é um dos pontos, mas não é o principal. Há pessoas que bebem muito, mas por opção, ou seja, elas conseguem parar de beber, se quiserem. Já o alcoólatra não é capaz de parar, mesmo que queira muito. O seu corpo e a sua mente acabam pedindo mais, e a quantidade ingerida nunca é suficiente.

Enquanto isso, a qualidade do consumo do álcool diz respeito a como a pessoa que está bebendo age durante o ato. Ela fica muito animada e sociável ou muito introspectiva e solitária? Ela usa a bebida como válvula de escape? Ela perde o controle quando está sob o efeito da substância? Se a resposta for “sim” para alguma dessas perguntas, é fato: essa pessoa é alcoólatra.

E, afinal, qual é o remédio para esse vício? É o que iremos responder a seguir.

Mulher com a imagem distorcida

Fonte: Darius Bashar / Unsplash.com

Qual seria o remédio para alcoolismo?

O que fazer depois que se identifica a presença de alguém viciado em álcool dentro de casa ou nos círculos sociais? Qual é o remédio para alcoolismo? Existe solução para tal dependência?

Sim. Antes de tudo, a primeira coisa a se fazer é procurar ajuda imediata para o dependente, o que significa buscar a melhor maneira de auxiliar o ente querido a sair dessa situação. Existem várias opções de tratamento, como medicamentos, internação, hipnoterapia, mas uma clínica de reabilitação é extremamente efetiva no tratamento do alcoolismo, pois é nela que se encontra a combinação de todos esses métodos.

A coisa mais importante é entender que uma pessoa viciada em álcool não o faz de propósito, ou seja, ela realmente não tem culpa de não conseguir se livrar do vício por conta própria. Ficar magoado, com raiva ou até mesmo desistir de tentar ajudar o indivíduo são ações que só irão piorar o quadro do vício.

Lembre-se: o alcoólatra usa a bebida alcoólica como válvula de escape. Absolutamente tudo que acontece em sua vida será uma desculpa para beber – seja para comemorar algo bom ou esquecer algo ruim, nem que seja por alguma horas.

Por isso, é fundamental agir com empatia, mesmo que você não consiga entender como pode ser tão complicado “simplesmente” parar de beber. Para verdadeiramente ajudar alguém viciado em álcool, você precisa se colocar no lugar dele e refletir sobre a dificuldade de não somente admitir para si mesmo que necessita de ajuda para superar o vício, mas também qual caminho seguir para conquistar esse objetivo.

Buscar uma clínica de reabilitação é o remédio para o alcoolismo, pois é lá onde o paciente irá receber atenção e cuidados médicos, metodologias novas de tratamentos e apoio psicológico para conseguir filtrar e aprender a se abrir, a fim de compartilhar o peso que carrega desde quando começou a usar a bebida como válvula de escape.

Não deixe para depois, procure uma clínica de reabilitação para a pessoa que você tanto ama e precisa de ajuda. Você sabia que além da dependência em álcool, a Clínica Terapêutica Viva Melhor possui tratamentos para tabagismo, dependência química, depressão, ansiedade, síndrome do pânico e vários outros tipos de transtornos psíquicos físicos?

Acreditamos que para um tratamento funcionar de verdade, é necessário trabalhar em conjunto com a mente e o corpo, afinal, quando um não está bem, o outro acaba sendo afetado. É por isso que tratamos qualquer tipo de dependência química com a ajuda de médicos especializados e psicólogos/psiquiatras, com o objetivo de melhorar ambas as áreas: física e psicológica.

Com essa metodologia, a gente já ajudou a salvar centenas de vidas nos nossos mais de 10 anos de existência. Possuímos uma equipe especializada e multidisciplinar preparada para atender a todos que precisam de auxílio para sair dessa situação complicada! Aceitamos todos os tipos de planos de saúde, pois o nosso maior objetivo é salvar vidas, não importam as dificuldades financeiras.

Depois de todas as informações discutidas neste artigo, é hora de agir, sempre pensando no bem-estar da pessoa que você se preocupa, claro!

Se você quer saber mais esclarecimentos sobre o remédio para alcoolismo, ou algum assunto relacionado ao alcoolismo e a sua dependência, e conhece alguém que passa pelos problemas discutidos no artigo e que precisa de ajuda, entre em contato conosco através dos números:

(61) 3244-1810 | Brasília/DF

(81) 3032-4567 | Recife/PE

(62) 99180-1328 | Anápolis/GO

Ou, se preferir, agende uma avaliação!