Quando se fala sobre saúde mental, muita gente acaba se confundindo com os tipos de transtornos que existem por aí. Isso porque há dezenas de transtornos que não são muito falados pelas pessoas ou que possuem tantos mitos que elas não sabem o que é verdade ou não. Tudo isso atrapalha na compreensão dos transtornos, o que faz com que eles sejam deixados de lado ou mal interpretados.

Como sabemos, todos os tipos de transtornos são importantes e devem ser falados entre as pessoas, para que elas possam realmente entender como esses distúrbios funcionam e como podem ajudar, caso conheçam alguém que passa por essas situações. Para facilitar, neste artigo nós iremos falar um pouco sobre cada uma dessas doenças psicológicas. Assim, você poderá descobrir a diferença e as características de vários tipos de transtornos.

Qual é a origem dos transtornos?

Antes de tudo, é necessário entender como um transtorno surge na vida de uma pessoa. Na verdade, é bem mais comum haver diversos motivos para o desenvolvimento da doença. Por isso, não é “origem”, mas sim “origens”. Um distúrbio psicológico pode aparecer por vários motivos, entre eles estão:

  • Situações complicadas em fases críticas da vida
  • A sensação de vazio estar se tornando frequente
  • Pressão no trabalho, faculdade ou escola
  • Uso de substâncias, como álcool e drogas
  • Ambiente familiar, pessoal ou profissional abusivo

Qualquer um desses motivos é o suficiente para que um transtorno psicológico se desenvolva, afinal, a partir do momento que a mente de um indivíduo não está bem, é muito mais fácil para a doença aparecer e tomar conta da vida dele. No primeiro sinal de fragilidade na saúde mental, é quando o distúrbio ganha força para influenciar negativamente a existência dessa pessoa.

É por isso que é tão importante saber, pelo menos de forma rasa, como funciona cada um desses tipos de transtornos. Dessa maneira, vai facilitar a identificação de que realmente há a presença de uma doença e, assim, o tratamento acontecerá mais rápido.

Transtornos psicológicos alucinações

Fonte: Unsplash.com

Sintomas gerais dos transtornos

Como falamos anteriormente, cada distúrbio psicológico possui as suas características que diferem um do outro, mas existem sintomas em comum que podem ser notados pelas pessoas mais próximas das vítimas, mesmo que elas tentem esconder ou disfarçar. Lembre-se: prestar atenção nas pessoas ao seu redor é fundamental para ter certeza de que tudo está bem e elas estão saudáveis.

Entre alguns sintomas gerais dos transtornos psicológicos, estão:

  • Sensação de impotência
  • Desmotivação
  • Instabilidade emocional
  • Sensação de vazio
  • Humor ácido
  • Sentimento de culpa
  • Baixa autoestima
  • Insegurança e medos intensos
  • Estresse
  • Pensamentos intrusivos, compulsivos e impulsivos
  • Alterações de humor
  • Pensamentos suicidas, mesmo que não frequentes

É claro que todos esses sintomas podem ser aplicados a cada um dos tipos de transtornos de uma forma diferente, mas, como mencionado antes, são esses os sinais gerais que apontam que algo não está certo na vida de alguém. Se você consegue identificar uma pessoa do seu círculo social que demonstra algum desses sintomas, é altamente recomendado que procure ajuda!

Transtornos psicológicos: depressão

Fonte: Unsplash.com

Quais são os tipos de transtornos mais comuns e qual é a diferença entre eles?

Existem vários e vários tipos de transtornos, mas nós selecionamos 5 distúrbios psicológicos para falar um pouco mais sobre. É importante lembrar que o que falaremos abaixo é apenas a ponta do iceberg, ou seja, se você deseja saber mais sobre alguma doença citada, procure uma ajuda especializada e vá a fundo na sua pesquisa!

Transtorno bipolar

O transtorno bipolar ou depressão maníaca é uma doença grave, caracterizada por alterações extremas de humor. No entanto, não é nada como às pessoas imaginam. Essas alterações não acontecem várias vezes ao dia, mas sim duram por semanas ou meses para acontecerem.

Normalmente, as alterações de humor em pessoas saudáveis acontecem por conta de motivos racionais, como problemas familiares, estresses no trabalho ou outras situações do cotidiano. Já no caso do transtorno bipolar, essas alterações nada têm a ver com o dia a dia. Elas acontecem sem motivo, por puro e simples mal funcionamento do cérebro.

Às mudanças de humor podem ser definidas de duas formas: episódios maníacos, onde o indivíduo se sente animado, energético, nervoso, fala e pensa muito mais rápido do que o normal e se coloca em situações de risco, para se sentir vivo.

E também os episódios hipomaníacos, onde ele se sente com pouca energia, triste, desmotivado, com insônia e dificuldade para dormir, problemas de concentração, alteração do apetite e pensamentos suicidas.

Ansiedade

A ansiedade é um distúrbio caracterizado pela preocupação excessiva que vai além da expectativa, persiste por muito tempo e é difícil de controlar. O nível da doença é completamente desproporcional aos acontecimentos reais, ou seja, acaba causando muito sofrimento desnecessário.

Alguns dos sintomas são: inquietação, fadiga, irritabilidade, dificuldade de concentração, tensão muscular e perturbação do sono.

Síndrome do pânico

A síndrome do pânico é um tipo de transtorno de ansiedade. Nela, o indivíduo se sente ansioso e ao mesmo tempo se apavora com as reações e os sintomas que está apresentando naquele momento. Com isso, acaba sofrendo com crises intensas e inesperadas de medo e desespero de que algo de ruim vai acontecer, mesmo que não haja motivos ou sinais disso.

A pessoa que sofre com a síndrome do pânico tem a vida afetada constantemente, pois passa a viver com medo de ter ataques o tempo inteiro, e evita passar por situações que possam gerar novas crises.

Algumas das causas: estresse, temperamento, preocupação excessiva, expectativas altas, necessidade de estar sempre no controle, repressão de sentimentos negativos, grandes responsabilidades, alto grau de autocobrança, má aceitação de erros e imprevistos.

Alguns dos sintomas: tremores, falta de ar, sensação de perigo, medo de perder o controle, sensação de asfixia, náusea, medo de tragédia e morte, tontura, vertigem, formigamentos, calafrios, dores na cabeça e peito, desmaio, sensação de estar com a garganta fechando e dificuldade para engolir.

Depressão

A depressão é um tipo de transtorno caracterizado pela constante sensação de tristeza, perda de interesse por atividades que antes eram prazerosas e desmotivação em seguir vivendo.

Alguns dos sintomas mais visíveis são: alterações no humor, alterações no apetite, indisposição, perda de sono, falta de concentração, sentimento constante de culpa e tristeza. Em casos mais avançados, os pensamentos suicidas ocupam a cabeça do indivíduo o tempo inteiro.

Transtorno obsessivo compulsivo

Mais conhecido como TOC, o transtorno obsessivo compulsivo é caracterizado por pensamentos, medos e comportamentos compulsivos, totalmente irracionais. Apesar de ser relacionado ao medo de germes, doenças ou necessidade de organizar os objetos, o TOC vai muito além disso. Na verdade, ele pode ser resumido em uma palavra: controle.

A pessoa que sofre com o transtorno sente a necessidade intensa de controlar tudo ao seu redor, e por esse motivo seus pensamentos são obsessivos e giram em torno disso.

Alguns dos sintomas são: hiperatividade, hipervigilância, impulsividade, alterações de humor, compulsões, obsessões e medos.

Usar medicamentos contra transtornos psicológicos?

Fonte: Unsplash.com

Tratamento para os tipos de transtorno

Como você viu durante a leitura deste artigo, todos os tipos de transtornos possuem origens e sintomas semelhantes, mesmo que se desenvolvam de formas diferentes nas pessoas. Por esse motivo, sabendo que eles trazem diversas consequências graves e até fatais para as vítimas, é mais do que necessário procurar um apoio médico. A melhor opção é investir em uma clínica de recuperação que saiba lidar com as dificuldades do tratamento de qualquer tipo de transtorno.

A Clínica Terapêutica Viva Melhor possui tratamentos para o transtorno bipolar, ansiedade, síndrome do pânico, depressão, transtorno obsessivo compulsivo e vários outros tipos de transtornos psicológicos, psíquicos físicos e dependências.

Nós já ajudamos a salvar centenas de vidas nos mais de 10 anos de existência. Possuímos uma equipe especializada e multidisciplinar preparada para atender a todos que precisam de auxílio para sair dessa situação complicada!

Se você quer saber mais sobre como lidar com os diversos tipos de transtornos psicológicos ou conhece alguém que passa pelos problemas discutidos no artigo, entre em contato conosco através dos números:

(61) 3244-1810 | Brasília/DF

(81) 3032-4567 | Recife/PE

(62) 99180-1328 | Anápolis/GO

Ou, se preferir, agende uma avaliação agora mesmo!